Uma construção sem base caíra na primeira onda

Não construa sonhos irreais. Não construa castelos de areia... na vida. Às vezes desejamos tanto algo que nos apegamos a qualquer pedaço de promessa... qualquer sinal, mesmo que falso, que teremos o objeto do desejo. Esse pedaço pode ser um beijo roubado, um olhar, um abraço, uma palavra, tudo serve como um sinal, uma possibilidade que aponta para aquilo que queremos viver, para aquilo que imaginamos.

Como você lida com o inesperado?

Essa é uma imagem que ilustra o inesperado. Na foto, de 2009, Paul Nicklen vive uma incrível experiência com uma foca-leopardo, considerada um dos maiores predadores de grandes animais. Inesperadamente, Nicklen foi tratado como um "companheiro" pelo imenso animal, que passou dias tentando alimentá-lo levando-lhe pinguins mortos e vivos. Na certa, pensou que o fotografo tinha algum problema por não aceitar nada o que lhe trazia... 😉

Não coma todos os frutos

Na vida, nosso esforço dá frutos saborosos. Esses frutos podem vir na forma de realizações, descobertas, insights, recompensas e metas alcançadas. São aqueles momentos que estamos felizes, até somos tomados pela euforia. Não há nada de mal na alegria, o único problema é esquecer que o ciclo continua, assim como a vida. E se agora estamos em cima, num momento vibrante, estaremos embaixo logo em seguida, num momento mais introspectivo e de prováveis restrições. Assim é o ciclo.

Saindo da zona de conforto

Às vezes estamos tão confortáveis na nossa posição e essa posição é tão estática, ao mesmo tempo, que só algo muito forte poderá nos sacudir. Uma paixão pode ser esse algo avassalador. Tira qualquer um do eixo e não deixa nada incólume.

Blog no WordPress.com.

Acima ↑