Às vezes é preciso correr atrás do amor

Às vezes, o amor se instala aos poucos. Quando a gente percebe já aconteceu. Não adianta não querer, não adianta fugir... O amor pode surgir depois de encontros furtivos. Era apenas sexo, pode surgir de uma amizade. Pode até ser uma correspondência à distância. Não importa. Toda troca pressupõe um quinhão de amor.

Ninguém apressa o broto da semente

Há situações que precisamos saber esperar. Não adianta querer forçar um resultado, uma resposta ou um desenvolvimento. Nestes casos, qualquer ação dependerá do tempo e do amadurecimento. E uma ação ansiosa poderá colocar a perder aquilo que se deseja.

O que vem a ser a entrega?

A entrega é como uma bandeira branca na nossa necessidade de controlar, de querer saber e dominar o que está ao nosso redor. Na entrega procuramos dominar nós mesmos, nossas paranóias e obsessões. Dominar a nossa curiosidade, nossa necessidade de saber, de entender, de nos sentirmos confortáveis, compreendidos e compreendendo o mundo, os outros ou a nós mesmos.

É preciso mudar de ângulo para ver a ilusão

É preciso sair da posição de vítima. Há pessoas que vivem acreditando que o mundo lhes deve algo, e elas estão constantemente reclamando do mundo. É preciso deixar de acreditar que os outros são injustos e não reconhecem nossos esforços e empenho. Às vezes, estamos tão mergulhados no sofrimento de nos ter sido negado algo, que não conseguimos ver mais nada além.

A entrega no arcano do Enforcado

O arcano do Enforcado, ou O Pendurado, traz um aprendizado difícil e ao mesmo tempo profundamente elevado. O arcano é relacionado, esotericamente, com duas figuras emblemáticas: Jesus e Judas. Vocês podem perguntar o que os dois têm em comum. Para o esoterismo cristão, muito, e para a Kabalah Cristã também.

Blog no WordPress.com.

Acima ↑