Agora você conquistou sua auto-aprovação

Imagine que você está em alto mar, rodeado de piratas. Andando numa prancha. Lá embaixo os tubarões espreitam e você está sendo instigado a pular. Não tem importância. Sua auto-confiança é tamanha que você tem certeza que nada lhe acontecerá. Ou algo mudará o curso das coisas.

É hora de ser aprendiz novamente!

Quantas vezes na vida teremos que recomeçar? A vida é feita de ciclos com etapas determinadas de começo, meio e fim. Nesses ciclos quem não estiver preparado para se readaptar, fica pelo caminho, engessado num formato, aprisionado no passado.

Você não é o que possui

O Cinco de  Ouros chega com a queda. Normalmente, é um momento de perdas e dificuldades. Perdemos a confiança e a fé em nós (e parece que as outras pessoas também). Às vezes, o sentimento de inveja e ciúme, de querer manter uma posição a qualquer custo nos leva ao erro.

Você poderá querer se diluir no mar

Algumas pessoas sentem Deus, entendem que tudo está conectado, tudo é feito da mesma energia. Percebem o Criador nos animais, nas plantas, em toda a natureza, mas brigam com os seus próprios desejos, ou reclamam de como a humanidade é perversa. Questionam porque o Criador não muda o Mundo.

A escolha do arcano do Mundo

Um misto de fim e de começo está desenhado no Mundo. O mito do arcano é relacionado com Hermafrodito, o personagem que funde o masculino e o feminino em si. Ele é os dois, mas também está além do gênero. Lembra a Gênese quando diz: "Deus criou o homem a Sua imagem, homem e mulher Ele os criou".

A andorinha anuncia a chegada da Alma

"Uma andorinha só não faz verão", o ditado nos informa que as andorinhas anunciam o verão e que não adianta a chegada de uma isolada, é preciso que muitas tragam consigo o sol. No meu caminho espiritual também já ouvi que uma andorinha só não apaga o fogo na floresta. Ainda que ela saiba que deve fazer sua parte levando a água sobre as asas, enquanto o elefante brinca distraído no rio...

Rav Hillel e o amor ao próximo

Conta uma história que certa vez, ainda enquanto os judeus estavam na Babilônia, existiam na comunidade judaica dois grandes sábios: Rav Hillel e Rav Shammai. Um homem fez uma aposta de que conseguiria provocar os sábios. Primeiro bateu na porta de Shammai e pediu que ele resumisse a Torah enquanto ele ficava em uma perna... Continue lendo →

A luminosidade espiritual do Sol

Imagine que você caminha num dia ensolarado, os raios do sol caem como flechas e ao tocar a pele, a transpassam alcançando o âmago, a sua essência. O sol dá calor e anima esse âmago. O âmago está no nosso centro, é a fonte do propósito e a morada da Alma. Com esse centro aceso, conseguimos ver para além do horizonte.

Blog no WordPress.com.

Acima ↑