Quando achar que não tem, compartilhe

O Seis de Ouros simboliza a descoberta da capacidade de sermos generosos e de compartilharmos mesmo estando numa situação de penúria e de dificuldade. É quando nos entendemos no mesmo barco, com as mesmas debilidades e fraquezas dos demais.

A queda muitas vezes é motivada por um desejo egoísta. Um pensamento de “o que isto tem para mim” (e apenas para mim). Com este pensamento vamos nos tornando avarentos e começamos a temer o movimento do outro, a criatividade do outro e vemos as suas capacidades como ameaças ao nosso espaço. A inveja e o medo que o outro roube algo que acreditamos ser nossa posse, faz com que projetemos uma realidade de manipulação, disputa e competição. Desta forma, é natural que para uma redenção à queda, a primeira porta que devemos abrir seja a descoberta da gentileza e da doação.
Assim, no momento de maior penúria ou dificuldade, aquele que acredita que o mundo, ou os outros, são injustos, recebe a ajuda e sente que a sorte está virando.
Mas notem que há mais do que a bondade alheia, no Seis de Ouros, há a descoberta da nossa própria generosidade. Precisamos aprender a dar do nosso, a abrir mão e a encontrar em nós algo que possamos oferecer de bom grado, sem contabilizar, se o que damos é mais do que recebemos ou se fizemos mais que os outros. Sem contabilizar quanto cada um está recebendo da vida.
No final das contas, o egoísmo precisa ser diminuído e dominado para que não acreditemos mais que somos o que possuímos e não cometamos mais atos selvagens para nos salvar ou manter o que possuímos.
Este é um retorno, um recomeço em direção ao topo novamente, mas haverá outras provas para sabermos se estando no topo novamente agiremos da mesma forma de antes, egoísticamente, ou se aprendemos a lição realmente. Há uma questão sutil aí: ao sermos generosos agimos por precaução, porque sabemos que precisaremos da generosidade alheia numa queda, ou porque a generosidade se tornou um valor real para nós.
Todas essas questão precisarão ser respondidas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: