A união entre a Alma e o EU

Em muitas histórias mitológicas, e também nos contos de fadas, a donzela, invariavelmente, se encontra prisioneira de um monstro terrível. Muitas vezes, esse monstro é um dragão – numa representação do ego e dos instintos selvagens de posse, agressividade, defesa e necessidades básicas de subsistência.

O cavaleiro precisa matar o dragão e salvar a donzela para, só então, sagrar-se vitorioso, ser coroado e encontrar o amor verdadeiro.

A fábula aponta para o insconsciente. A necessidade de matar um aspecto da personalidade para integrar e ter acesso a uma consciência mais elevada. Pensando no arcano do Sol, podemos ver aspectos interiores que têm um profundo sentido ético. Essas partes se unem e sacrificam desejos instintivos em prol de algo maior.

Também podemos ver a união de duas pessoas, que de livre vontade sacrificam desejos pessoais por algo mais elevado. O sol fala da união. A união da Alma com o Eu Superior, do Ego com a Alma e das almas em torno de um propósito maior…

Tudo isso nos faz pensar e implantar um sentido maior por estar vivo. Um propósito maior que a nossa própria vida, muito além de uma busca individual por sucesso, prazer, recompensas, reconhecimento, conhecimento, ou amor pessoal. Esse sentido talvez seja fazer escolhas em prol do sagrado e poder fazer parte, qualquer parte que seja, da grande Obra da Criação.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: